Atendimento - Seg. a Sáb. 9h às 21h (11) 2626-9632

São Paulo

São Paulo

Consulte os horários dos ônibus aqui

Todos os caminhos levam a São Paulo. Não é à toa que lá moram gente de todos os lugares do Brasil e do mundo. Mas, e para quem vai só passear, como fazer? Ir de avião, de carro ou de ônibus? Saiba como chegar à capital paulista e os prós e contras de cada modo de transporte.

Viajando a São Paulo de carro

Nada menos que dez rodovias grandes convergem para São Paulo. A maior parte chega às marginais do Tietê e do Pinheiros, vias “expressas” (mas quase sempre com muito trânsito) que circundam quase todas as regiões da cidade.

Para quem vem do Vale do Paraíba ou do Rio de Janeiro: Ayrton Senna e Via Dutra. Para quem vem de Minas: Fernão Dias. Para quem vem do interior de São Paulo: Anhanguera, Bandeirantes, Castello Branco e Raposo Tavares. Para quem vem do Paraná: Régis Bittencourt. Para quem vem da Baixada Santista: Anchieta e Imigrantes.

Fique atento à placa do seu carro para não chegar em dia e horário de rodízio. Os congestionamentos em São Paulo podem ser súbitos, longos e cruéis. Abasteça o carro com comida, água mineral e dinheiro trocado para os pedágios. Considere ainda que nada garante que durante a sua estada na cidade você vá achar lugar para estacionar.

Chegando a São Paulo de avião

A Grande São Paulo tem três aeroportos: Congonhas (CGH), Guarulhos ou “Cumbica” (GRU) e Viracopos (VCP). Apenas o primeiro fica realmente em São Paulo, a apenas 11 quilômetros do centro. Um ônibus deixa você em poucos minutos na estação São Judas do metrô. Para quem vai à cidade a trabalho, é quase sempre o melhor aeroporto, mas as passagens costumam ser as mais caras.

Guarulhos está a 28 quilômetros do centro e é um aeroporto maior e mais bem abastecido; tem Pizza Hut, McDonald's. Viracopos é o mais fora de mão (fica em Campinas e a 90 quilômetros do centro de São Paulo), mas é fácil achar passagens mais baratas. Além disso, companhias aéreas oferecem ônibus gratuitos de VCP para alguns pontos de São Paulo.

Viaje a São Paulo de ônibus

Chegar a São Paulo de ônibus é uma grande pedida. As viagens são frequentes na ida e na volta, o preço das passagens é justo, a estrada é boa, e ambos os terminais rodoviários Tietê e Barra Funda são anexos a estações de metrô. Quer dizer, você desce do ônibus e já chega de forma rápida e barata ao seu destino na capital. De BH, você pode ir de Cometa; do Rio, de Expresso BrasileiroExpresso do SulItapemirim ou Viação 1001; de Salvador, de Águia Branca; de Brasília, de Rápido Federal ou Real Expresso; de Vitória, de Águia Branca ou Itapemirim; e de Curitiba, de Cometa ou Itapemirim, para citar algumas das principais origens de passageiros.

Quem viaja a São Paulo de ônibus e circula por lá de metrô ou até de táxi, certamente economiza mais do que quem vem de carro, o que significa que sobra mais dinheiro para aproveitar nos restaurantes, comércio, teatro, baladas e muito mais da cidade mais rica do Brasil.